Movimentos

Captura mais de uma centena de soldados portugueses

Além de ter inviabilizado a Operação Nó Górdio, a FRELIMO voltou a infligir, mais uma vez, uma derrota militar vergonhosa ao exército colonial português em 1 de Agosto de 1974 em Cabo Delgado, no distrito de Mueda, no Posto Administrativo de Namatili, também conhecido por Posto Omar, ou simplesmente Nambiliyao.

Num combate planificado até ao mínimo detalhe, os guerrilheiros da FRELIMO atacaram e assaltaram Namatili, capturando 137 soldados portugueses, com as respectivas armas, sem disparar um único tiro.